Acesso profissionais Registe o seu consultório gratuitamente

10 sinais discretos de burnout

<strong>Artigo verificado</strong> por

Artigo verificado por Comité de MundoPsicologos

Sofrer de burnout não implica, obrigatoriamente, um surto depressivo ou uma reação extrema. Na verdade, existem vários sinais que alertam para um possível estado de burnout.

3 JUN 2019 · Leitura: min.
10 sinais discretos de burnout

Herbert J. Freudenberger definiu o burnout como "um estado de esgotamento físico e mental cuja causa está intimamente ligada à vida profissional". Apesar de podermos estar de sobreaviso para os sintomas típicos que, geralmente, são também os mais visíveis, existem outros indicadores que não devemos descurar e que dão informações muito importantes sobre o estado da pessoa em relação à sobrecarga que sente na sua vida profissional. Entre estes podemos encontrar os seguintes:

1.       Isolamento

A pessoa não se sente com vontade de conviver ou de estar presente em acontecimentos sociais. Pode sentir que não está à altura ou, simplesmente, que está sem vontade, sendo que não era uma reacção comum anteriormente.

2.       Cometer pequenos erros de forma recorrente

Cometer pequenos erros, que podem à primeira vista parecer inofensivos, de forma recorrente, é um sinal de que algo não está bem e que a pessoa não se está a conseguir concentrar devidamente nas tarefas que tenta realizar.

3.       Atitude negativa e falta de confiança no futuro

Olhar para o futuro sem esperança e ver o presente de forma negativa são comportamentos típicos de alguém que está no limite da sua energia. A pessoa não se sente capaz de empreender na sua vida, especialmente a nível profissional.

4.       Cansaço constante

Mesmo tendo descansado o suficiente e dormido as horas necessárias para se sentir revitalizada, a pessoa sente-se constantemente cansada, sem energia.

5.       Sentimento de fracasso

Este sentimento pode não estar relacionado com nenhum acontecimento de vida particular. A pessoa sente-se a fracassar e não encontra um modo para sair desta situação.

6.       Levar tudo a peito

É frequente alguém com síndroma de burnout tomar qualquer crítica como uma ameaça, ou tomar como um ataque pessoal uma declaração genérica sobre uma situação.

7.       Dificuldades de concentração

Sentir dificuldades em concentrar-se, que se distrai e dispersa enquanto tenta realizar uma tarefa é também um dos sinais discretos de burnout que, como já foi referido, leva muitas vezes a pessoa a incorrer em erros de pouca gravidade mas que podem afectar o seu rendimento.

8.       Recuperar “maus hábitos” que se tinham deixado

Voltar a fumar, voltar a uma dieta desregrada, ou qualquer outro hábito nocivo que se tinha abandonado anteriormente é mais um destes sinais.

9.       Dores de cabeça e tonturas

A pessoa sente-se “fora de si”, com a cabeça vazia, tem tonturas ou dores de cabeça frequentes: talvez esteja na hora de fazer uma avaliação sobre a sua relação com o trabalho.

10.   Sonhos pouco elaborados

Ter a sensação de que os sonhos que se têm são muito pouco criativos, que se limitam a repetir uma situação que se viveu no dia, que não existem associações de diferentes elementos, é um indicador de que a pessoa está a entrar num grave estado de ansiedade.

Reconhece em si alguns destes sintomas? Talvez esteja na hora de consultar um profissional que possa ajudar a elaborar a sua relação atual com o trabalho.

Psicólogos
Linkedin
Escrito por

Marta Madeira CP 019810

Deixe o seu comentário