Por que me sinto ansiosa e rejeitada quando estou com pessoas de onde moro?

Realizada por >Alcy · 8 jun 2021 Competências sociais

Me sinto muito ansiosa e rejeitada quando vem pessoas de onde moro, por que não me acho que sou interessante, e que sempre vai r pessoas mais interessantes que a mim. Me sinto triste quando vem amigos das minhas irmãs, por que sempre fico de fora e por isso não gosto quando elas vem, por fico muito mais ansiosa e sinto que vou ficar sozinha e ninguém nunca vai gostar de mim. Minha mãe nunca me deu carinho, e nunca perguntou como eu me sinto, ela teve depressão e quando eu tinha uns 11 anos ela me pediu para arrumar as roupas pra ir morar com oß meus padrinhos, mais eu não fui, e nesse mesmo ano eu tinha ido para uma escola nova, sem amigos, roupas bonitas, pra mim era difícil ver as meninas todas arrumadas com roupas bonitas, tênis, maquiagem, mais eu nunca tive isso sempre tive roupas dadas por outras pessoas, calçados e quando chegava em casa minha mae com depressão, e eu não podia falar nada sempre guardava tudo pra mim, e eu tinha que estudar mesmo assim e não reclamar. Eu entendia a situação mais ninguém nuca se preocupa como eu me sinto,. E agora pra piorar a situação meu irmão engravidou duas mulheres ao mesmo tempo e minha mae que está cheia de dívidas tá tendo que pagar a pensão dos filhos dele. Minha mãe tira o dinheiro dela pra comprar comida ou roupas, para pagar dívidas que ele faz, que são muitas, quando eu vou falar algo sobre como eu me sinto ela não quer ouvir, por isso eu guardo tudo pra mim.

Resposta enviada

Em breve iremos verificar a sua resposta para posteriormente a verificar

Ocorreu um erro

Por favor, tente outra vez mais tarde.

A melhor resposta 28 JUN 2021

Olá, Alcy. Noto o cuidado que teve em explicar as razões da sua mãe, o esforço que faz por compreendê-la e não a culpabilizar. Mas também sei que, mesmo sabendo isso, o abandono dói.
Os problemas das pessoas nunca são problemas só daquela pessoa, mas coisas que nascem nas e das dinâmicas familiares e sociais que nos rodeiam. Percebo que a sua situação familiar não é fácil, mas noto que tem vontade de mudança. De facto, quando nunca nos sentimos cuidadas/os, decidir e aprender a cuidar de nós é, realmente, o nosso maior desafio. Quiçá seja hora de decidir priorizar-se a si própria e procurar alguém que esteja realmente disposta a ouvi-la.

Celina Vilas-Boas Psicólogo em Lisboa

10 respostas

5 votos positivos

Contactar

A resposta foi útil para si?

Agradecemos a sua avaliação!

Psicólogos especializados em Competências sociais

Ver mais psicólogos especializados em Competências sociais

Outras perguntas sobre Competências sociais

Explique o seu caso aos nossos psicólogos

Publica a tua pergunta de forma anônima e receba orientação psicológica em 48h.

50 Necessitas escrever mais 1500 caracteres

Tua pergunta e as respectivas respostas serão publicadas no site. Este serviço é gratuito e não substitui uma sessão de terapia.

Enviaremos a tua pergunta a especialistas no tema, que se oferecerão para acompanhar o teu caso pessoalmente.

A sessão de terapia não é grátis e o preço estará sujeito às tarifas do profissional.

A sessão de terapia não é grátis e o preço estará sujeito às tarifas do profissional.

Coloque um apelido para manter o teu anonimato

Tua pergunta está a ser revisada

Te avisaremos por e-mail quando for publicada

Esta pergunta já existe

Por favor, usa o buscador para conferir as respostas

psicólogos 750

psicólogos

perguntas 1500

perguntas

respostas 50

respostas